domingo, 1 de fevereiro de 2009

Complexo de Superioridade

Ser quem você é.

            Como você pode ser quem se é de verdade quando olha ao seu redor e vê pessoas tão supostamente melhores?

            Às vezes, nossos talentos parecem tão pequenos perto dos outros que parecem não existir. Ou nos fazem desistir antes mesmo de tentar.
            Todos nós passamos por isso. Sempre vai haver alguém com dons que não depende só do seu esforço para ter.

           

Sempre vai ter alguém mais rápido que você.
            Sempre vai ter alguém que tira melhores notas que você.

            Sempre vai ter alguém que canta melhor do que você.

            Sempre vai ter alguém com mais amigos que você.
            Sempre vai ter alguém com todas essas qualidades a mais que você.

           

            Mas aí vem um fato que se custa a acreditar: estas pessoas não são melhores que você. E só serão quando você fingir ser alguém que não é realmente.

            Quando uma pessoa dá o máximo de seus talentos, mesmo esses parecendo menores em relação a de outros, esta pessoa é a melhor.

            Ser a melhor não significa ser melhor que os outros, mas ser o melhor que você pode ser.

            É um clichê, mas atire a primeira pedra (em si mesmo, obviamente) quem disser que não concorda.

            Deixar de lado o complexo de inferioridade e.

            Ser quem você é.

Corra, estude, cante, faça amigos, e lembre-se: ame um pouco a si mesmo. Ajuda.

Um comentário:

  1. Todo mundo pode ser o melhor em alguma coisa, e tem que se esforçar pra aproveitar e aprimorar o que tem de melhor. Só não de pode ser bom em tudo, e é com o que muita gente se frusta, valorizando as qualidades dos outros e nem notando as próprias.

    E olha que eu nem consigo acreditar em Deus e Destino!

    ResponderExcluir