quarta-feira, 23 de dezembro de 2009

Casulo


Eu sei quem eu sou.

Os mesmos e os mesmos erros.
É queda atrás de queda.
Eu me envolvo em desespero.
E no fim, a mesma...
Conclusão.

Eu não preciso esperar,
Se eu não vou melhorar,
É só mergulhar.
É só mergulhar.

Nos mesmos e nos mesmos erros.
Em queda atrás de queda.
No mesmo desespero.
No fim, na mesma merda.

O que adianta tentar mudar,
Se ninguém ao menos acredita?
De que adianta tentar mudar
Se minha própria moral me limita?

Meu maior problema.
É insistir em sofrer.
Sofrer pra aprender.
Quando eu não precisaria.
Meu maior dilema
É tentar entender,
Sem nem resolver,
O que a dor evitaria.

Eu não preciso esperar,
Pra tentar melhorar,
Você acreditar.
Você acreditar.

Livrar-me dos mesmos erros.
E levantar de cada queda.
Fugir dos desesperos.
E mudar a...
Conclusão.

Eu sou forte pra crescer
Acredite você ou não.
Não precisa escurecer.
Pra eu clarear meu coração.

Eu sei quem eu sou.
Eu sei quem eu sou.

6 comentários: