domingo, 31 de janeiro de 2010

Mente Inflamável



Parece que é desde sempre que eu tenho idéias pra compartilhar
Mas faz pouco tempo que eu decidi qual caminho devia trilhar.
E eu agradeço por me apoiarem na minha opção.
Escrever em versos – nem sempre bem feitos – meu próprio coração.

As metáforas me acompanharam,
E comparações muito me serviram,
Da tristeza me aconchegaram,
Da solidão elas me acudiram.

Estou tonto mas não posso me deitar;
Mes sinto fraco e não consigo respirar;
Estou fechado e não consigo falar;
Estou mal e não sei como explicar.

A lua funciona bem,
em suas fases, seu vai e vem,
mas ninguém se contenta com o que tem.
Ninguém quer lua escura.


Com o tempo eu acabei crescendo
E as palavras amadurecendo
Minha vida, se desenvolvendo,
O meu próprio eu, fui conhecendo.

Não sou bonito,
E me falta esforço.
Inteligência eu tenho,
Malícia também.
Meus pés afundam,
Me falta coragem,
Preciso de empenho
Pra ir mais além.

Eu caminho nessa vida
Ás vezes sem rumo, direção.
Mas me orgulho de ainda
Manter quente o coração.


Um ano inteiro se passou
E meu próprio eu mudou
Muitas vezes se apaixonou
Muitas vezes se desencontrou.

Enfrentar, aproveitar,
E fechar os olhos.
Tencionar, raciocinar,
Sobre a escuridão.
Expressar, revelar,
Os meus sentimentos.
Usar, empregar,
A própria solidão.

Não me culpe se a vida me faz assim.
Não se culpe por não poder cuidar de mim.
Chove lá fora, tão forte quanto aqui dentro.
Chove lá fora, sem trégua, sem alento.


Mas eu estou aqui.

Eu estou aqui, e nada vai me tirar.
Eu estou aqui, e eu vim para ficar.
Estou feliz, e continuo a melhorar.
E obrigado.
Muito obrigado, a quem só fez me ajudar.

Eu amo vocês.
E continuem comigo, eu peço.
Eu amo vocês.
E com um grande sorriso, eu recomeço.

4 comentários:

  1. você sabe que sou seu fã né qqq
    parabéns por esse um ano de blog \o

    ResponderExcluir
  2. Um ano de blog. Parabéns, anjo. Sabe que eu passei a te apoiar no momento que li o seu primeiro poema e sei que já disse várias vezes, mas tenho orgulho de você. Do jeito como você escreve, da luta que você está travando com você próprio pra crescer. Se tudo der errado, você sempre pode virar escritor profissional. Mas sério, parabéns, Mah. (L)

    ResponderExcluir
  3. tenho muito orgulho de você, ex. parabéns pela evolução. os poemas continuam ótimos, pra variar. te amo muito (L)

    ResponderExcluir
  4. Feliz aniversário -q obrigado pela homenagem pois eu me senti homenageado, layout novo :D e continue nos surpreendendo com sua evolução a cada poema novo.

    ResponderExcluir